terça-feira, 16 de junho de 2009

"As Esquinas do Tempo"

Quando tenho aquele desejo de ler um livro, nunca tenho paciência para escolher um no meio de tantos… Esta foi a minha primeira escolha para uma leitura à beira mar.


As Esquinas do Tempo de Rosa Lobato de Faria

Um amor para além do tempo

Edição/reimpressão: 2008

Páginas: 208

Editor: Porto Editora


Mais de 10.000 exemplares vendidos em uma semana em Portugal!


Sinopse:

"Quando Margarida chegou à Casa da Azenha teve aquela sensação, não desconhecida, mas sempre inquietante, de já ter estado ali".


Margarida, uma jovem professora de matemática de Lisboa, vai para a Vila Real proferir uma palestra e fica hospedada em uma pousada. Em seu quarto, está pendurada uma pintura de um homem muito parecido com Miguel, sua actual paixão. Na manhã seguinte, por um inexplicável mistério, ela acorda cem anos atrás, na casa de seus antepassados. Sem perder a consciência de quem é, ela odeia esta volta no tempo, mas aos poucos vai se adaptando. Conhece o homem do quadro e apaixona-se por ele. Após um acidente fatal, Margarida regressa ao presente.


Romance simultaneamente poético e fantástico, As Esquinas do Tempo é mais uma prova do indiscutível talento literário de Rosa Lobato de Faria.


"São raros os escritores que, como a autora de O Prenúncio das Águas, detém uma extraordinária fluência discursiva aliada a uma poderosa imaginação criadora, 'viciando' o leitor nos jogos da paixão, do ciúme e da vingança. Rosa Lobato cria um universo ficcional onde o fantástico e o real se entrelaçam."

Autora:

Rosa Lobato de Faria nasceu em Lisboa em Abril de 1932. Poeta e romancista, o essencial da sua poesia está reunido no volume Poemas Escolhidos e Dispersos, de 1997. Já escreveu doze romances, dentre eles O Prenúncio das Águas (1999), A Flor do Sal (2005), A Alma Trocada (2007) e A Estrela de Gonçalo Enes (2007). É também autora de diversos livros infantis. Foi traduzida na Espanha, França e Alemanha e está em várias colectâneas de contos, em Portugal e no exterior.
É também conhecida do grande público como actriz de televisão e cinema.
Em 2000, obteve o Prémio Máxima de Literatura. As Esquinas do Tempo é seu primeiro romance publicado no Brasil.


Excertos:

(…) Quantas das pessoas que se nos deparam todos os dias não serão reproduções exactas de pessoas de outras vidas? Só que não sabemos, nunca as conhecemos por isso não estranhamos. Preciso de descansar, pensou. E tenho de partilhar este segredo com alguém. Com o Miguel, claro, com quem havia de ser? (…) Não se pode ter segredos para a pessoa que amamos. Não se pode. É um fardo demasiado pesado.(…)


"É o vento que perpassa nas copas das laranjeiras, que vem do mar e traz as gaivotas. É o vento que faz oscilar as minhas cortinas, que se insinua como um segredo por entre os arbustos do jardim. É o vento que me conta histórias antigas, antigas, como se fosse uma criança que não quisesse dormir. Não o ouves? Não. É o vento que sopra só para mim. É o vento manso, doce, da loucura, que me invade lentamente e me deixa à mercê dos seus dedos de nuvem, tão suaves e tão meigos."


Resumo:

Margarida é uma jovem professora de Matemática. Um dia vai a Vila Real proferir uma palestra e fica hospedada num turismo de habitação, casa antiga muitíssimo bem conservada e onde, no seu quarto, está dependurado o retrato a óleo de um homem que se parece muito com Miguel, a sua recente paixão.


Por um inexplicável mistério, na manhã seguinte Margarida acorda cem anos atrás, no seio da sua antiga família…


No início fez-me muita confusão as Margaridas, Marianas, Madalenas, Miguéis e Pedros, mas nunca deixei de me sentir ligada à história. O livro explora o tema da entidade “tempo”, com as suas encruzilhadas e transformações no ser humano. A leitura deste livro “obriga-nos' a entrar numa história onde a imaginação ultrapassa todos os limites.

Este livro foi o primeiro que li da Rosa Lobato de Faria . Já tinha ouvido maravilhas da sua escrita, mas mesmo assim fiquei surpreendida pela riqueza dos universos por ela criados.


Leitura terminada a 01/06/2009

1 comentário:

  1. leia entao o prnuncio das aguas e ficara rendida.

    ResponderEliminar